MENTIRAS DESLAVADAS

por Pr. Ivo Augusto Seitz
Não bastassem as desculpas esfarrapadas, em nossa jornada humana temos que conviver com mais este capítulo constrangedor. É a mentira, recurso usado para enganar, salvar as aparências, fugir à responsabilidade, escondendo ou mudando a verdade.
O cinismo da raça humana tenta acolher a mentira como um recurso válido. Criaram-se assim as mentiras brancas. São tidas como leves, em contraste com as mentiras grosseiras. Uma expressão racista, porque por nessa lógica preconceituosa somente as mentiras brancas seriam aceitáveis.
O descaramento continua na mentira de conveniência ou social, onde se ajusta a mensagem ao gosto do patrão. Aparece nas colunas sociais, onde tudo é bonito e perfeito. Em época de eleição beira o ridículo, com candidatos em trajes caros abraçando crianças nas favelas e prometendo mil soluções. Na Bíblia, foi usada pelos profetas de Acabe, que quiseram obrigar Micaías a confirmar o erro deles (2 CR 18).
Aceita por muitos, a mentira piedosa tenta diminuir o impacto da verdade, por exemplo, sobre o estado de saúde de um paciente, ou diante das emoções de uma pessoa amiga.
A mais execrada de todas é a mentira deslavada. É tão grotesca que não convence nem a quem fala. É o caso de Herodes e sua intenção de “adorar o rei nascido em Belém” (MT 2.8). E vemos hoje nas respostas de pessoas de cargos públicos ao esconder ações nada dignas.
Mas mentira é mentira. Mesmo quando usada com bons objetivos, desmerece a confiança na pessoa que fala. Como saber se ela está dizendo a verdade ou sendo reticente?
Há maneira melhor de poupar o sofrimento, mantendo os princípios éticos de respeito à dor física ou moral de alguém: é a verdade equilibrada com o amor, a sabedoria e o perdão.
“Vocês conhecerão a verdade, e a verdade os libertará” (Jesus, em João 8.32).
Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s